carregando
Carregando...
Caso a página demore muito para carregar,
aperte o botão "atualizar" do seu navegador ou a tecla "F5".

  • Receba informações e promoções de nosso site.


Mensagens Bíblicas

Geral

ELE CUROU A TODOS

05/04/2018 às 18:28h

 

Jesus, sabendo isso, retirou-se dali, e acompanhou-o uma grande multidão de gente, e ele curou a todos.

Mateus 12.15

 

 

Naquele sábado, muitos presenciariam grandes operações de Deus. Na sinagoga, quem ouvisse a explicação de Jesus seria curado. Um homem que recebeu os ensinamentos da Verdade logo foi chamado à frente. Diante de todos, o Mestre lhe ordenou que estendesse sua mão ressequida. Assim, ele o fez e ficou sarado. A alegria só não tomou conta dos fariseus naquele lugar.

Sem dúvida, muitas pessoas seriam libertas dos seus males se tivessem escutado o Filho de Deus, inclusive os fariseus. Entretanto, eles escolheram formar conselhos contra Jesus, a fim de matá-Lo. Por que tamanha maldade, se o Senhor fizera o bem? Quem não se quebranta perante o Criador difere de opinião a respeito de praticar o bem. Assim como há, na política, grupos que torcem para o pior acontecer, visando as eleições seguintes, na fé existem pessoas oportunistas.

Os fariseus se intitulavam servos do Todo-Poderoso. No entanto, pelo fato de o Mestre ter curado alguém no dia do repouso, tramavam tirar a vida dEle. A cobiça pelo dinheiro e poder não os deixava entender que tal obra era do Céu – a vontade do Altíssimo para os sofredores. Jesus tomou ciência do plano deles e só Se retirou para atender os demais necessitados.

Aquele milagre incentivou as pessoas a não medirem esforços para buscar socorro em Cristo. O medo nunca O dominou, pois, como Filho de Deus, nenhum demônio poderia perturbá-lo. Cristo sabia que a Sua vinda à Terra tinha um propósito: morrer por nós, a fim de nos salvar. Esse dia chegaria, como dito por Seu Pai. Como Ele não deveria fazer nada sem ser planejado, saiu para onde curaria os enfermos.

Isso nos serve de lição. Nada nos ocorrerá sem a permissão de Deus, a menos que estejamos fora da vontade dEle, o que nunca ocorreu com Jesus. Ao Se retirar, o Mestre estava amando os fariseus, pois, se quisesse, Ele os teria fulminado, e eles teriam ido para a condenação eterna. Esse é um dos motivos de o Onipotente não entrar em julgamento antecipado com o homem.

A missão de Cristo tinha de continuar; do contrário, o plano do Altíssimo fracassaria. Mais pessoas tinham de ser saradas naquele dia; então, o Salvador partiu acompanhado da multidão. Como ocorreu na sinagoga, Jesus usou o Seu poder e curou todos. Ele não Se chateou com a reação dos fariseus nem se deixou levar por sentimentos ruins, mas mostrou por que viera ao mundo.

O amor de Deus impede que Ele destrua os que prejudicam a Sua obra. Por esse motivo, nada acontece com muitos que perseguem a Sua Palavra, porque, sendo Pai de misericórdia, não quer perder ninguém, mas espera que todos cheguem ao arrependimento (2 Pe 3.9). Assim, na consumação dos tempos, não irão para o lago que arderá com fogo e enxofre, mas para os Céus. Verifique, neste momento, se você está em rebeldia. Caso esteja, arrependa-se! 

Fonte: Ongrace

Comentários

Você precisa logar no site para poder enviar comentários. Clique aqui caso ainda não possua um cadastro em nosso site.

     

    1