carregando
Carregando...
Caso a página demore muito para carregar,
aperte o botão "atualizar" do seu navegador ou a tecla "F5".

  • Receba informações e promoções de nosso site.


Notícias

Final dos Tempos

Homem diz ser Jesus e afirma que está 'selecionando os 144 mil escolhidos'

04/07/2016 às 15:12h
Acusações de maus tratos o levaram a prisão por formação de seita

A polícia de Uganda prendeu neste final de semana um homem que dizia ser Jesus Cristo. Emmanuel Solomon Semakula, que se intitula “o filho de Deus” será levado ao tribunal, acusado de violação de direitos humanos na formação de uma seita religiosa.

O policial Lameque Kigozi, disse que que o falso Cristo reunia muitos seguidores. Nove deles foram presos junto com o líder. Seus ensinamentos proibiam as pessoas de procurarem um hospital quando estivessem doentes, pois só precisariam pedir a ele por cura.
Segundo denúncias, também restringia a alimentação dos membros da seita e ficava com o dinheiro delas.

Falando ao canal NTV Ssemakula afirmou que precisa explicar ao mundo quem é: “Sou eu, Jesus Cristo, Emanuel, príncipe da paz… Eu nasci em Jerusalém”. Também explicou que estava selecionando 144 mil pessoas para reinarem com ele, pois havia “voltado”.

 

A maioria dos homens e mulheres da seita estavam com ele nos últimos seis anos. À TV, afirmaram acreditar que ele é realmente Jesus Cristo. Contudo, algumas pessoas da região dizem lembrar dele como o menino órfão que mudou-se para o Quênia anos atrás após ser “adotado” por um pregador itinerante.

Comentários

Você precisa logar no site para poder enviar comentários. Clique aqui caso ainda não possua um cadastro em nosso site.

     

    1